Blog

O sol pode fazer mal para os olhos?

27 de jan | 2020

Infelizmente, a pele não é a única parte do corpo que pode ser prejudicada com a exposição excessiva aos raios solares.
Nos livros e revistas médicas, a maioria dos pacientes que têm alteração visual são os que observam eclipses solares sem proteção ou até mesmo pacientes que devido a algum tipo de intoxicação (por drogas ou álcool) ficam olhando fixamente para fontes de luz como o sol ou lanternas e laser-pointers.

Depois de algumas horas ou dias, o paciente percebe que as imagens estão ficando tortas ou nota uma mancha escura no centro da visão.  Outras alterações visuais possíveis por maculopatia solar são: mudanças na visão de cores ou baixa da acuidade visual.
Na praia ou quando você for tomar sol, os óculos escuros com proteção UV são suficientes para proteger seus olhos, desde que você não fique olhando fixamente para o sol. No caso de eclipses solares, a única maneira realmente segura é a observação indireta por meio de aparelhos como celulares ou câmeras ou até mesmo projeção da imagem do eclipse em tela.  Nunca  é segura a observação direta do eclipse, mesmo que você utilize sobreposição de lentes escuras ou filmes fotográficos velados.

Caso você ou alguém que conheça passar a enxergar uma mancha escura central, mudança na percepção das cores, embaçamento ou imagens tortas, procure seu oftalmologista.


Compartilhe nas redes sociais

Resultados de Exames